MIND YOUR DATA GOVERNANCE GAP

+55 31 3505-2222

CARREIRA    |    ACESSO RESTRITO   |    INTRANET

MIND YOUR DATA GOVERNANCE GAP

Software

IBM Integration Bus

O IBM Integration Bus® provê conectividade entre sistemas corporativos, promovendo o compartilhamento de informações entre estas aplicações. Em plena era digital, o ambiente computacional de grandes empresas forma um complexo ecossistema com vários pontos de conexão que demandam um intenso fluxo de comunicação.

A arquitetura SOA define uma estrutura de troca para mensagens entre estes sistemas. São aplicações conectadas através de um barramento, expondo interfaces denominadas contratos acessíveis através de serviços web.

O barramento de serviços (ESB) é uma plataforma que transforma e roteia dados, traduzindo os protocolos de comunicação utilizados por cada sistema envolvido. O IBM Integration Bus suporta ampla gama de padrões de comunicação e formatos de dados. Inclui operadores específicos para o roteamento, filtros, transformação e distribuição de informações. Orquestra fluxos de informação envolvendo diversos sistemas através de lógicas de negócio reutilizáveis.

Controlando todo este fluxo, o IBM Integration Bus assume o papel de intermediário na comunicação entre as aplicações. Adotando o modelo de requisitante e provedor, atende a chamadas de clientes interceptando suas mensagens e garantindo a entrega do dado ao seu destino final. Esse processo normalmente é chamado de mediação.

A plataforma é composta por um robusto mecanismo de integração capaz de receber e rotear mensagens de forma rápida e eficiente. Possui a capacidade de transformação de dados através da construção de mapas gráficos.

Com o IBM Integration Bus® esta tarefa pode ser concluída de forma rápida. Componentes específicos denominado nodes ficam agrupados em categorias na paleta de desenvolvimento.

Um fluxo de mensagens é uma sequência de etapas de processamento executadas no nó de integração quando uma mensagem de entrada é recebida. Define ainda em qual ordem serão executadas cada ação e sob quais condições.

Desta forma o IBM Integration Bus traz produtividade na exposição de serviços.

Os assistentes auxiliam a criação de novos serviços. É possível implementar por completo qualquer aplicação, mas este recurso provê produtividade por expor serviços web ou aplicações web.

Uma vez criado, o serviço pode estar disponível em minutos, interligando suas aplicações em nuvem, dispositivos mobile ou sistemas corporativos.

A plataforma é líder do mercado, contemplando amplo conjunto de funcionalidades e recursos para facilitar as tarefas de desenvolvimento e administração do ambiente.

Com uma arquitetura escalável de alta performance, garante a flexibilidade necessária para atender aos cenários mais críticos de integração entre aplicações de missão crítica.

São diversas possibilidades de topologia de instalação para atender aos mais complexos cenários.

A Interface Web provê gestão completa dos recursos do IBM Integration Bus sem a necessidade de nenhum software adicional. Conecta de forma centralizada no Integration Node o visualiza as estatísticas de performance das soluções implantadas.

Fornece importantes informações sobre o monitoramento dos serviços e a governança do ambiente. Podem ser definidas políticas operacionais de gerenciamento da carga de trabalho (workload management) que otimizam a visibilidade e o controle do ambiente, permitindo monitorar e gerenciar os fluxos de mensagens de forma fácil e confiável.

O recurso de Business Rules permite a criação de lógicas de negócio que determinam o comportamento dos fluxos. As regras são implementadas no IBM Integration Toolkit ou podem ser consultadas externamente como um repositório do ODM (IBM Operational Decison Manager), por exemplo.

O conector Decision Service implementa esta chamada. Traduz elementos recebidos na chamada do serviço em parâmetros das regras de negócio que afetam a lógica da aplicação e definem as ações a serem tomadas em função do retorno.

Clientes Salesforce podem desfrutar do conector específico para integração com esta aplicação em nuvem. O diagrama acima ilustra como ocorre esta integração através do IBM Integration Bus. Com este recurso, é possível sincronizar dados de vendas como leads e oportunidades com outros sistemas corporativos de forma simples e rápida.

Os recursos de gestão das aplicações de integração fornecem um mecanismo de fácil gerenciamento para as requisições REST.

Um dos maiores benefícios para adoção da arquitetura SOA está na reutilização de códigos. Esta característica gera aumento de produtividade e, consequentemente, redução de custos.

O desenvolvimento de integrações utilizando padrões facilita a governança e otimiza a qualidade dos artefatos desenvolvidos. Desta forma cria um conjunto de melhores práticas que promove a reutilização de código na organização.

A conectividade universal permite que diferentes aplicações possam interagir e trocar informações entre si e com outros sistemas, suportados por uma infraestrutura flexível e dinâmica. Sua plataforma escalável e de alta performance roteia, transforma, converte e distribui mensagens de forma organizada e controlada.

É possível testar seus fluxos de mensagens em um ambiente de desenvolvimento e identificar e corrigir problemas antes de implementar os fluxos de mensagens em um ambiente de produção. Também é possível incluir breakpoints em seus fluxos de mensagens para ajudar a resolver problemas após ele ser implementado em um ambiente de produção.

Recursos de debug permitem o teste extensivo e a rápida localização de problemas. Os breakpoints interrompem a execução de um fluxo e exibe detalhes da mensagem para fins de auditoria.

Com o compartilhamento de código e reuso de rotinas em mente, o usuário pode desenvolver um conjunto de recursos e torna-los disponíveis para vários aplicativos. O uso de bibliotecas compartilhadas auxilia na manutenção de código compartilhado entre aplicações, pois refletem de forma imediata após o deploy para todas as integrações que a referenciam.

Uma biblioteca compartilhada pode ser implementada diretamente em um servidor de integração. Qualquer aplicativo pode fazer referência a ela. Se essa biblioteca compartilhada for atualizada, as alterações são imediatamente escolhidas por todos os aplicativos de referência.

As bibliotecas que foram introduzidas no WebSphere Message Broker Versão 8.0 são bibliotecas estáticas. Você ainda pode utilizar as bibliotecas estáticas para reuso de recursos. Porém, cada aplicativo que faz referência a essa biblioteca estática será implementado com sua própria cópia do código.

O recurso de Callable Flow permite o acionamento de fluxos de mensagens em nós externo de integração. Com este recurso, é possível configurar a conectividade segura entre os fluxos de mensagem ao dividir o processamento de fluxo de mensagens entre o IBM® Integration Bus local e a nuvem.

Um fluxo em um local pode chamar um fluxo em outro local. Este Callable Flow pode ser local ou na nuvem.

Um projeto de Authoring no IIB permite que seja criado um padrão definido pelo usuário. Um projeto de exemplo com todas as melhores práticas aplicadas como um template para a construção de novos fluxos e aplicações.

O autor do padrão cria um modelo definido pelo usuário para atender um requisito de negócios ou técnico. O usuário do padrão configura um padrão publicado que o autor criou.

Este fica disponível para um usuário do padrão na visualização Explorer de Padrões na Perspectiva do Desenvolvimento de Integração do IBM Integration Toolkit.

Um template contém fluxos de mensagens e outros recursos, como código de origem, as classes Java™ para nós de JavaCompute, módulos ESQL, mapas de mensagens, cliente de teste, arquivos XML e arquivos de folhas de estilo. Os exemplos são usados para criar plug-ins de padrões, configurando um projeto de autoria de padrão.

A experiência de uso do IIB para tarefas de desenvolvimento foi bastante aprimorada. A possibilidade de criação de padrões para os artefatos torna o processo de Authoring uma forma inteligente e robusta de manter a governança e as melhores práticas de construção de serviços web na empresa.

O diagrama abaixo resume as características das novas versões do IBM Integration Bus.

Concluindo, o IBM Integration Bus é a plataforma ideal para o cliente que precisa interconectar aplicações e trocar informações entre sistemas de forma eficiente e governada. A versão 10 inclui diversos novos recursos que auxiliam na produtividade das equipes de construção e nas tarefas administrativas de quem controla o ambiente. Flexiveis topologias de implantação garantem a aderência da solução aos mais diversos cenários de negócio, entregando estabilidade e segurança para garantir a troca de informações entre aplicações de missão crítica.

Se você tem interesse em conhecer mais detalhes sobre o IBM Integration Bus, por favor entre em contato conosco.

GOSTOU DESSE SOFTWARE?
O Time de Especialistas da MD2 está pronto para ajudar você na escolha das mais adequadas e melhores ferramentas para que a sua empresa se destaque no mercado.

solicitar contato

Nossos Parceiros

           
MD2 - Consultoria e Negócios - Todos os Direitos Reservados
MD2 - Consultoria e Negócios